cerimónia acompanhada pelo Exmo. Sr. Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, Prof. Dr. José Mendes

Cerimónia acompanhada pelo Exmo. Sr. Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, Prof. Dr. José Mendes

Residentes, visitantes e turistas do Algarve são desafiados a partilhar como se deslocam atualmente dentro da região e por que opções de mobilidade gostariam de poder optar no futuro, através de uma campanha que os municípios algarvios lançam esta segunda-feira, numa cerimónia acompanhada pelo Exmo. Sr. Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, Prof. Dr. José Mendes.

O repto “Vamus participar?” será propagado não só online, em portais informativos, páginas das autarquias e dos seus parceiros e nas redes sociais, mas também em autocarros, comboios e repartições públicas, acompanhado por provocações que sugerem até as mais inverosímeis formas de deslocação… como “Vamus de comboio até Monchique?”.

A iniciativa encabeçada pela AMAL pretende levar os principais destinatários das soluções de mobilidade da região a participar no vasto esforço de diagnóstico e planeamento que constitui o VAMUS – Projeto de Mobilidade Urbana Sustentável do Algarve, através do preenchimento de um questionário acessível na página do projeto alojada no endereço www.vamus.pt.

A informação recolhida será tratada pelas equipas constituídas para realizar o diagnóstico das deslocações na região para, com base nas necessidades e oportunidades identificadas, poder projetar, até ao final do ano, a mobilidade do futuro alicerçada em princípios de universalidade no acesso e de sustentabilidade nas soluções adotadas. O objetivo dos municípios algarvios é o de contribuir para uma “Região Carbono Zero”, isto é um Algarve que emita tanto dióxido de carbono quanto aquele que é capaz de eliminar, pensando e planeando soluções que nos permitam deslocarmo-nos de forma mais eficiente, inclusiva e amiga do ambiente.

A par da participação pública, o projeto mobiliza já cerca de meia centena de organizações públicas e privadas que transportam ou que fazem deslocar diariamente algarvios e visitantes. Estes parceiros, com quem a AMAL assinou esta segunda-feira a Carta de Compromisso para a Mobilidade Urbana Sustentável, além de cruciais para o bom diagnóstico, são determinantes para a identificação e adoção de soluções inovadoras conducentes a este objetivo.

SOBRE O VAMUS

O projeto consiste na elaboração de Planos de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS). Três equipas de trabalho foram constituídas para realizarem estes instrumentos focados nas 3 áreas em que se divide o Algarve:

– Barlavento (Vila do Bispo, Aljezur, Lagos, Monchique, Portimão, Lagoa e Silves);

– Centro (Albufeira, Loulé, Faro, São Brás de Alportel, Olhão e Tavira);

-Sotavento (Alcoutim, Vila Real de Santo António e Castro Marim).

Neste trabalho, cooperam vários parceiros públicos e privados, intervenientes-chave na geração de deslocações intra e interconcelhias.

Concluídos até ao final do ano, os planos vão incorporar as medidas a adotar por cada um dos intervenientes na mobilidade, elencando potenciais fontes de financiamento dentro dos diferentes pacotes de incentivos comunitários. Avançarão também novas abordagens conducentes ao desenvolvimento e implementação do Plano de Mobilidade e Transportes Intermunicipal (PMTI).

Essas medidas serão direcionadas para o desenvolvimento de soluções de transporte e mobilidade que visam apoiar a transição para uma economia de baixo teor de carbono (redução das emissões de CO₂), incluindo a promoção da mobilidade urbana multimodal e medidas para a sua futura concretização.

As ações deverão permitir reequacionar as barreiras atualmente existentes para a mobilidade sustentável e desenhar soluções inovad

oras de transporte mais eficientes do ponto de vista energético e ambiental, garantindo formas de acesso comportável a bens e serviços a toda a população.

O projeto de Mobilidade Urbana Sustentável do Algarve é cofinanciado pelo CRESC ALGARVE 2020, no âmbito do PORTUGAL 2020.

Contactos: R. General Humberto Delgado, 20 – 8000-355 Faro ⋅ Portugal | Tel: (+351) 289 880 800 | E-mail: geral@amal.pt

 

AMAL

Co-financiado por:

CRESC Algarve

 

Portugal 2020

 

União Europeia
Share This